Participe nesta quarta de café solidário e manifestação em defesa do Saúde Caixa

Para fortalecer o movimento em defesa do Saúde Caixa, a APCEF-PR e a AEA-PR convidam empregados da ativa e aposentados a vestirem roupa de cor branca e participar do Dia de Luta pelo plano nesta quarta-feira (20 de junho). Em Curitiba, a programação começa com um café solidário, na sede da AEA-PR (Rua Monsenhor Celso, 231 – 4º andar), às 9h30.

Quem quiser colaborar levando bolo, salgado, suco ou outro alimento será bem-vindo. As associações fornecerão o café e a organização do espaço.  Depois, ocorrerá manifestação no edifício sede 1 da Caixa Econômica Federal (José Loureiro, 195 – Centro, contra mudanças propostas pelo governo federal no atual modelo do plano – que o tornarão mais caro e excludente.

 

Pela manutenção do Saúde Caixa

Além de a maioria dos empregados da Caixa terem sido lesados em cerca de R$ 20 bilhões, de seus recursos poupados ao longo dos anos na FUNCEF, e que estão tendo que “equacionar” em até 20 anos, outra determinação governamental vem ameaçar as conquistas obtidas pelos empregados da Caixa referentes ao Saúde Caixa.  “A Resolução CGPAR 023/2018, trás várias determinações que deverão onerar em muito os participantes do Saúde Caixa e a única alternativa que temos é a mobilização pois, segundo a referida norma, o ACT Acordo Coletivo de Trabalho é soberano ante a Resolução.  Temos que lutar contra mais esta injustiça que estão tentando nos impor”, defende Jesse Krieger.

Segundo o presidente da AEA-PR, além da mobilização está sendo analisada juridicamente a possibilidade de ingressar na justiça pois, a referida Resolução seria inconstitucional haja vista que determina a mudança unilateral de direitos oferecidos aos empregados deste a entrada dos empregados nas empresas, em especial na Caixa.

 

Mobilização nacional

Essas e outras ações programadas em cidades de todo país fazem parte da campanha “Saúde Caixa: eu defendo”, lançada por entidades do pessoal do banco, como Fenae e Fenacef. As iniciativas são uma reação diante de resoluções governamentais e a recente alteração no estatuto da Caixa, que propõe um limite correspondente a 6,5% da folha de pagamento para a participação da Caixa nas despesas com assistência à saúde dos empregados. As novas regras também permitem prazos de carência, limitam a adesão de dependentes, excluem os aposentados, entre outras alterações.

Além da mobilização nesta quarta-feira, as entidades promoverão o Seminário em Defesa dos Planos de Saúde de Autogestão das Empresas Estatais no dia 28 de junho, em Brasília (DF). As ações programadas culminarão com a celebração do aniversário de 14 anos do Saúde Caixa, no dia 1º de julho.

Manifeste apoio

No site da Câmara dos Deputados, usuários podem participar da enquete sobre o projeto de Decreto Legislativo (PDC 956/2018), de autoria da deputada Erika Kokay, que tem como objetivo sustar a resolução número 23 da Comissão Interministerial de Governança Corporativa e de Administração de Participações Societárias da União (CGPAR). A resolução trata do custeio das empresas estatais em relação aos benefícios de assistência à saúde aos empregados (da ativa e aposentados).

“Temos que nos mobilizar apoiando e nos mobilizando para a aprovação do Projeto de Decreto Legislativo de Sustação de Atos Normativos do Poder Executivo, PDC 956/2018”, afirma Jesse Krieger.

Clique aqui para acessar a enquete

 

Com informações da Fenae e APCEF-PR

Atenção associado!

A sede da AEA-PR em Curitiba estará fechada nos dias 15 e 16 de novembro, em razão do feriado.